X

0 Comentários

Digital

Casé: O Que a Gente Não Inventa, não Existe

O visionário Casé

Por Luiz Joaquim | 07.04.2011 (quinta-feira)

Quando exibido no 3º Festival de Paulínia (SP), em julho do ano passado. o documentário “Programa Casé: O Que a Gente Não Inventa, não Existe”, de Estevão Ciayatta alcançou uma ótima comunicação não só com o público mas também com a crítica. Hoje, 19h30, durante a projeção do filme no Cinema São Luiz, por ocasião do lançamento do DVD, não deve ser diferente. Na verdade, o impacto com o público aqui deve ser ainda maior.

Isso porque o Casé no título refere-se ao pernambucano Adhemar Casé (1902-1993), mais conhecido pela nova geração como o avô da atriz Regina Casé. É uma relação que o filme de Ciayatta (do curta “Nelson Sargento”, 1998, e do televisivo “Um Pé de Quê?”) pretende estender dando o mérito que Adhemar merece como figura importante para o surgimento do formato do rádio e da TV como os conhecemos hoje.

Com extenso material de arquivo – que inclui o filme do Ciclo do Recife “A Filha do Advogado” para ilustrar os primeiro anos de Adhemar na capital pernambucana nos anos 1920 – Ciayatta vai costurando a trajetória deste natural de Belo Jardim (PE) que chegou ao Rio de Janeiro sem expectativas até torna-se uma das mais influentes pessoas do rádio no Brasil, com seu “Programa Casé”.
Nele, o comunicador foi o primeiro a pagar cachê aos artistas, a fazer um contrato de exclusividade e a fazer o primeiro jingle (da Padaria Bragança, em 1932), além da primeira radionovela (1936), indo parar na TV em 1951.

O filme de Ciayatta reúne cerca de dez anos de pesquisa, sendo os mais curiosos o da própria família Casé. Nesse contexto “Programa Casé”, o filme, apresenta depoimentos como as últimas entrevistas concedidas por Dorival Caymmi e Braguinha. Este último nos brinda cantando uma música inédita, enquanto a esposa, ao seu lado, se emociona.

Num fluxo tranquilo e envolvente, guido por uma entrevista sonora deixada por Adhemar, o filme é um convite a reflexão não só sobre a determinação e empreendimento do personagem, num contexto social diferente do atual, como também uma espécie de aula sobre os primórdios da estratégias de relação entre imprensa e mercado no Brasil. A produção do evento informa que a sessão de hoje à noite contará com a presença do governador do Estado, Eduardo Campos, e da família Casé.

Fields marked with an * are required

assine e receba
novidades por email

Mais Recentes

Publicidade