X

0 Comentários

Reportagens

Debate: livro Antologia da Crítica de PE

Bate-papo online marca lançamento do livro de André Dib e Gabi Saegesser e debate sobre memória e crítica

Por Luiz Joaquim | 02.04.2020 (quinta-feira)

* atualização em 10 de abril de 2020, 10h51.

Para quem perdeu o debate ao vivo, a Associação Brasileira de Crítico de Cinema (Abraccine) postou a gravação do evento em seu Canal no YouTube. Veja aqui.

—————————————————

* com informações do release dos autores.

Em tempos de quarentena mundial, para lançar seu livro quentinho, saindo do forno, Antologia da crítica pernambucana – Discursos sobre cinema na imprensa (1924-1948) – Cepe, 2020, 396 p., R$ 45 -, seus autores, a realizadora Gabi Saegesser e o jornalista e crítico de cinema André Dib, promovem um debate online às 19h de hoje (2/4), quando entrará também na pauta o tema ‘crítica e memória’ (veja instruções de como participar do encontro virtual ao final desse texto).

Além de Saegesser e Dib, participam do bate-papo online a presidente da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine), Ivonete Pinto, e o jornalista e crítico mineiro Paulo Henrique Silva, sendo o encontro mediado por Luiz Joaquim, jornalista, crítico, coordenador do bacharelado de Cinema e Audiovisual do Centro Universitário Aeso-Barros Melo (Uniaeso), e editor deste CinemaEscrito.com.

Antologia da crítica pernambucana teve como mote impulsionador uma pesquisa sobre a maneira como a imprensa pernambucana escrevia sobre cinema na primeira metade do século passado. Pelo livro, é possível entender um panorama dos principais autores e ideias daquele período, permitindo um mergulho no imaginário e nas formas de pensar cinema em Pernambuco na primeira metade do século 20. O livro está disponível para venda exclusivamente no site da editora (clique aqui).

Como consta no prefácio escrito por Luiz Joaquim, um dos principais méritos dessa antologia é “sua capacidade de agregar num único volume um universo de ideias antes dispersas que, agora juntas num só corpo, somam um novo sentido e oferecem novas perspectivas sobre o inicial pensamento intelectual pernambucano a respeito do cinema”.

Para chegar ao livro com 155 textos, 32 autores de 16 periódicos, Saegesser e Dib realizaram um processo de imersão em acervos físicos e digitais, bibliotecas, arquivos públicos e particulares. “Foram dois anos de pesquisa em acervos físicos e digitais, seis meses para a seleção e transcrição do material e mais seis meses para a organização. Outra etapa foi a produção do livro, que com a entrada da Cepe conferiu nova dimensão ao projeto”, contam os organizadores.

Segundo eles, a dificuldade de acesso aos periódicos da época devido à frágil situação dos acervos públicos brasileiros contribuiu para a demora na conclusão da pesquisa.  “Durante o nosso trabalho encontramos coleções em deterioração avançada, que precisam de restauro e digitalização urgentes. Em acervos microfilmados ou digitais faltam páginas ou edições inteiras”, revelam.

Uma vez concluído o debate de hoje à noite, um link que levará à gravação do bate-papo realizado online estará disponível no site da Abraccine (abraccine.org) e neste CinemaEscrito.com para ser (re)visto.

O evento virtual, a propósito, acontece pelo apoio da Abraccine e da Uniaeso.

Instruções para participar do debate de lançamento do livro ANTOLOGIA DA CRÍTICA PERNAMBUCANA – Nesta quinta-feira (2.abril), a partir das 19h.

– Acesse o endereço : clique aqui ou digite – https://meet.google.com/fvx-jypg-hwv

– DESATIVE seu microfone (clique sobre o ícone)

– DESATIVE sua câmera (clique sobre o ícone)

– Escreva seu nome

– Clique no botão verde “Pedir para participar” e aguarde.

Você será direcionado para a sala virtual do debate e, ao final das falas dos participantes você poderá dirigir questões pelo chat, que serão administradas pelo mediador do encontro, Luiz Joaquim

Fields marked with an * are required

assine e receba
novidades por email

Mais Recentes

Publicidade