X

0 Comentários

Artigos

Uma semana

Câmera clara 457

Por Luiz Joaquim | 25.05.2015 (segunda-feira)

Uma semana

A lógica do mercado exibidor é a lógica do mercado exibidor. Mas que frase óbvia é essa? Serve só para sublinhar que não há, no circuito exibidor cinematográfico (salvo raras exceções) cuidado com o lançamento dos filmes chamados pequenos, de pouco apelo comercial. Entenda estes como a grande maioria das produções estrangeiros off-EUA e os brasileiros off-Globo Filmes. Por quantas vezes o leitor soube que aquele filme que tanto queria ver finalmente entrou em cartaz e, uma piscada de olhos depois (ou melhor, na semana seguinte) o filme saiu de cartaz? A malvada lógica de alguns exibidores dá aos filmes pequenos (“pequenos” em recursos para lançamento) o mesmo tratamento que dá aos gigantes dos estúdios majors. Comparar a força de atração midiática de um “Os Vingadores” com, por exemplo, o belo suíço “As Maravilhas” (foto), de Alice Rohrwacher, é impenssável. Mas é nesse nível que a maioria dos exibidores trabalham.

Transformers
A Paramount aposta alto na franquia “Transformers”. O empresa quer expandir a ação de seus Autobots e Deceptions para outros filmes. Para tanto, o estúdio corre atrás dos roteiristas Robert Kirkman (“The Walking Dead”) , Art Marcum e Matt Holloway ( “Homem de Ferro” ), Zak Penn (“The Avengers”) e Jeff Pinkner (“Lost).

Preconceito
Semana passada circulou uma notícia infame em Hollywood pela revista “The Wrap”. Maggie Gyllenhaal, a beldade de 37 anos (foto), declarou que escutou de produtores ser muito velha para interpretar uma amante de um homem de 55 anos. A situação delicada chama atenção para a absurda dificuldade de, ainda hoje, Hollywood disponibilizar poucas oportunidades para atrizes maduras. E para quem duvida do poder de sedução e da sensualidade de Gyllenhaal talvez fosse bom rever “A Secretária” (2002) e “Coração Louco” (2009).

Sangue Azul
O Cinema da Fundação Joaquim Nabuco recebe hoje à noite o produtor paulista Renato Ciasca, o cineasta Lírio Ferreira e o ator Daniel de Oliveira para uma sessão exclusiva para convidados do filme “Sangue Azul”. Rodado no arquipélago de Fernando de Noronha, o enredo apresenta Oliveira como Zolah, que 20 anos depois volta à ilha vulcânica com sua trupe circense e lá reencontra sua mãe (Sandra Corveloni) e irmã (Carolina Abras). O filme estreia 04/06.

“Colossal”
A revista IndieWire fala que o curioso projeto “Colossal”, descrito como a soma entre “Godzilla” e “Encontro e Desencontros” – a ser estrelado por Anne Hathaway -, sofre um processo da empresa Toho, detentores dos direitos de “Godzilla”, pela produtora de ter usado as imagens do lagarto gigante para atrair atenção para “Colossal”.

Fields marked with an * are required

assine e receba
novidades por email

Mais Recentes

Publicidade